21 de nov de 2009

Homem apaixonado...

Não é novidade que estou amando (um amor não platônico) e sendo amado, não só amando mas apaixonado! E homem apaixonado é tão bobo!!! E não me tiro dessa lista.

Percebi isso ontem voltando da casa dela, o ônibus parou na frente de dois pombinhos que fiquei observando pela janela... Ela tinha que pegar o ônibus que eu estava, eles se despediram e ele ficou com aquela cara de quem tinha provado o doce mais saboroso do mundo mas que agora tinha acabado, e estava lembrando de cada sensação que aquele doce tinha lhe proporcinado. Pensei comigo: 'Será que fico assim também?', e cheguei a conclusão que SIM! Sim, eu faço aquela cara também!

Não sei se nos fazemos de bobo para assegurarmos que o instito maternal, presente em boa parte das mulheres, seja ativado e elas passem a ter por nós um amor que só um filho é digno de receber; ou porque somos um bando de garotos bobos como canta o Leoni...
Ate mais
VM

9 de nov de 2009

A mulher da vez

Volto...Volto mudado. Volto fazendo novas coisas. Volto!
Voltei. Sumi, mas a culpa não foi da Flor, foi minha mesmo! Sei lá porque...
Gosto tanto de expor o que penso, mas fiquei tanto tempo longe... Esquisito, né!?
Acho que volto porque as dúvidas, questionamentos pessoais voltaram. Tenho percebido que funciono à base de estímulos como esses, só me exponho quando quero saber algo do outro sobre mim ou sobre o outro...
Claro que não vou encher vocês com um post enorme sobre o que fiz ou não fiz nos últimos meses, mas vou escrever algumas coisas novas que vivi no último mês. Talvez o assunto fuja um pouco do que vocês estão acostumados a ver aqui, mas vamos lá!
O assunto ainda é uma mulher (como é a proposta desse blog "Um homem escrevendo sobre as (des)venturas de conviver, amar e trabalhar com vocês..."); a mulher dá vez é minha religião.
Nos último mês intensifiquei muito as minhas experiências dentro dela. Viajei, passei fins de semana fora, vivi/experimentei coisas novas, novas formas de viver com ela. Talvez você que lê nem creia em algo sagrado, mas aqui não quero converter ninguém apenas dividir...
Minha religião tem muitas formas de aproximar o fiel do sagrado; formas mais reservadas, mais silenciosas e ritualizadas, e outra mais aberta, livre de ritos/script e intensa. As duas formas são ótimas de viver, cresci na primeira e me aproximei dela através da primeira forma. Mas agora tenho transitado entre uma e outra. Apesar da minha intensa participação dentro dela, ainda sou fraco e acabo "traindo" o que ela propõe como moral que o fiel deve ter. Enquanto eu apenas vivia na primeira forma era relativamente fácil de lidar com isso, porque os ritos/doutrinas eu sei e executo muito bem. Mas agora tendo experiências na segunda forma, tem ficado muito difícil de lidar com isso...
Essa nova forma de viver com ela, me aproxima muito do sagrado e me coloca em conflito/batalha com o profano cada vez mais na linha de frente. Isso é difícil de aceitar aqui dentro da minha cabeça, porque não me sinto digno de estar nessa posição. Me acho muito pequeno e fraco para lidar com tudo vem ao meu encontro, forças que são muitos grandes e que requer muito esforço da minha parte.
Tenho armas para lutar e vencer, ela me dá sempre que peço; mas só tenho coragem usar essas armas nos outros e nunca em mim. E é essa minha COVARDIA que me deixa mais exausto, porque para usar essas armas tenho que ter braços fortes, mente forte para que elas tenham mais poder de fogo.
Acho que é isso que tinha para dizer. Como disse não quero converter ninguém apenas DIVIDIR...
Até mais
(sem sumiço dessa vez)
VM

26 de ago de 2009

Perfeição?!

Sei que "perfeito" é uma palavra muito forte para descrever um momento, mas com a licença poética que Deus deu aos apaixonados deixa eu gritar!!!

P-E-R-F-E-I-T-O

Agora música para ilustrar o momento:

Milagres acontecem por ai - Isabella Taviani
Até logo
VM

23 de ago de 2009

Você existe?

Essa pergunta me rodeia desde o post sobre minhas preferências femininas, onde a Bela (3x30) falou que eu era "raro" e agora nesse último post a Viciada L (As viciadas) também questionou a minha existência real.

Respondendo a pergunta: Existo! E digo mais existimos! Somos raros, mas estamos por ai! Mas como não buscamos coisas comuns não estamos em lugares comuns.

Bons lugares para encontrar um de nós:
- No Silêncio de uma igreja vazia... onde podemos escutar a nós mesmos.
- No Barulho de uma estação de trem... onde podemos observar as diferenças.

- Numa Colorida festa a fantasia... onde podemos criar/fantasiar nossas próprias musas.
- Num Cinza dia de chuva... onde podemos encontrar alguém que tbm goste de escutar a chuva.

- Na Serra... onde podemos olhar para baixo e buscar o ponto amarelo no canto do mundo negro.
- No Litoral... onde podemos olhar para cima e buscar a nossa estrela Dalva, nossa Vênus.
Somos raros mas estamos por ai! A Flor me achou, busque o seu!
Até mais
VM (Pássaro Verde)

19 de ago de 2009

Selos!!! Vem ver se vc ganhou

Ganhei este selo da Lu Medeiros do blog Meu cantinho.

Tks Lú!!! Adooooro receber selos!!!



Regras do Selo :
1 - Exiba a imagem do selo, que você acabou de ganhar.
2 - Poste o link do blog que te indicou (muito importante).
3 - Indique 10 blogs de sua preferência. Avise seus indicados (não esquecer) publique as regras.
4 - Confira se os blogs indicados repassaram o selo e as regras.

Então... Os meus indicados são:


No News at all
Mesmo que Mude
Dois cigarros e um café
Eucaliptos na janela
Corporativismo Feminino
Pensamentos Insanos
Salada Mista
3 x 30 - Solteira, Casada, Divorciada
Alem dos Desejos
Mulheres Neura

♥ Vale a pena ficar de olho nesses blogs ♥

Vlw Lú

VM

12 de ago de 2009

Mulher de atitude!!

Sempre tive uma certa queda por mulheres que não segue os padrões:
- Cabelo liso (Adoro cachos)
- Magras demais (Adoro as gordinhas)
- Culturalmente comum (Adoro as nerds/geeks)
Mas o que mais adoro é mulher que fala o que pensa sem se importar a quem. Não sei se pq todas as mulheres da minha família são desbocadas nesse sentido, mas nunca aceitei mulher com pensamentos de Amélia. Mulher para mim tem que ter Atitude!
Dentre as mulheres de Atitude e que cantam eu gosto da Pitty. No último CD dela tem uma música muito boa sobre essa história de Amélias, ousamos:

Por hoje é só pessoal!

VM in love

1 de ago de 2009

De Mestre...

Primeiramente thanks pelo votos de felicidades para esse casal...rsrsrs...E agora a pedidos de alguns um breve resumo do "Golpe Final"...

1° - Singelo convite para um programinha interessante, sem segundas intenções aparentes, deixe fluir...
2° - Faça-se presente, meio sem querer; esteja próximo nunca grudado...
3° - Aproveite as oportunidades; pequenos gestos fazem grandes diferenças...
4° - Se te der abertura arrisque mesmo...
5° - Deixe suas intenções nas entrelinhas...
6° - Dê um jeito de corresponder as expectativas...

Esse foram o passos, agora como aconteceram os fatos:

1° - Um convite de um "amigo" para uma peça de teatro (comédia);
2° - Passei a ir as missas no mesmo horário que ela (por mas que fosse longe e tarde) e como só tinha ela de conhecido na igreja "sem querer" eu me sentava ao lado dela;
3° - Apertos de mãos viravam pequenas carícias, pequenos toques viravam carinhos, etc;
4° - Do nada recebi um sms dela: "Boa Noite...Durma com os anjos" o.O; como falei do nada, não podia perder a oportunidade a resposta foi "Tks...E q um anjo em especial vele sua noite...O Cupido! Queira Deus que ele te acerte"; a partir daí...\0/\o/
5° - Alguns dias trocando mensagens de carinho da parte dela e cheias de segundas intenções da minha parte;
6° - Carinhos, programinhas interessantes para ambos, beijos, muitos beijos...

Tudo de bom para todos
VM

28 de jul de 2009

SIM!!!!!!! FUNCIONOU!!!!!! FINALMENTE!!!!!!!!
Agora é oficial "Não sou uma cumbuca"! Achei a tampa, depois de tanto procurar; e ela estava o tempo todo na minha mão e eu não via!
Para mim sempre foi óbvio que que antes deu engatar um relacionamento com alguém eu tinha que primeiro ser amigo dela. Pois é! Somos amigos a sete anos, mas agora notamos algo a mais e isso não partiu só de mim foi reciproco...O que foi mais gostoso!
Nos permitimos amar um ao outro sem os receios que cercam relacionamentos que começam com longas amizades.
Depois eu conto o desenrolar do "Golpe Final" rsrs
Até mais
VM

19 de jul de 2009

Um Belo Dia Eu...(Up Date)

Modo Upgrade: ON

Mudar Visual.......................................................................................................Concluído
(Sai Cabelo cacheado....Entra máquina n°4 "all the head")

Mudar Style........................................................................................................Concluído
(Sai Despojado/Largado.....Entra "Yes, I'm a Handsome")

Mudar Comportamento....................................................................................Concluído
(Sai Noz.......Entra Livro Aberto Parcialmente Completo)

Mudar Marital Status...........70%(19/07).....85% (22/07)......98%(23/07) Concluído
(Pessoa "certa": Ok Flert: Iniciado Golpe final: Em execução)

E claro a música eleita para o momento:



Esse "belo dia" foi quando te escolhi!
O "Você" é o meu passado dentro uma noz,
O "Sonho" de te ter comigo,
Por isso "Agora só falta vc"
Isso Foi O Resultado de um Finde F*d* para C*r*l*o!
VM

9 de jul de 2009

Pausa para respirarrr

Hoje é feriado aqui em Sampa...Mas amanhã tô eu lá firme e forte, mas um maquininha dessa ia ajudar muito...



Até mais
VM

25 de jun de 2009

Explicações

Esse post complementa aquele sobre a perseguição de Platão. É uma música que tenta explicar essa minha sina de amar platonicamente toda a mulher interessante que cruza meu caminho...Ouçamos:


Agora sim ficou claro, né?!

VM

19 de jun de 2009

Platão

Sabe aquela expressão "Murphy me persegue!", comigo além dessa existe outra: "Platão me persegue!". Sim, esse Platão mesmo, o pensador. Pois é, eu tenho a impressão de que Platão e Murphy são melhores amigos, e se encontraram quando eu nasci...


Digo isso porque, nunca ouvi relato de alguém que vive tantos amores platônicos como eu. Sou capaz de até lembrar alguns nomes, épocas e acontecimentos com cada um desses amores. Mas porque Platão me persegue, vocês se perguntam. Ele me persegue porque eu não consigo esquecer desse ou daquele outro amor. Quando toca uma música que me faz pensar, quando leio um texto ou quando depois de muito tempo sem lembrar, Murphy atua e dá um jeito de me fazer lembrar. Veja esse exemplo:

Amor platônico n° 2 - tinha 8 anos (o.O), me apaixono por uma amiga dá escola. Ok, comum para a idade; mas não no meu caso...Eu criava realidades paralelas, devaneava, sonhava e tudo mais. Eis que menina muda de cidade, ou seja, fim do sonho certo? Errado! Passasse 3 anos, amor totalmente esquecido e enterrado, ela vota para a cidade, para a mesma escola, e como Murphy e Platão são muito bonzinhos comigo, para a mesma sala que eu e senta exatamente ao meu lado! E se apresenta "Oi, lembra de mim? Amor platônico n°2!". Claro que lembrei na hora e tudo voltou...Realidade paralela, devaneios, sonhos...Claro que não deu em nada, mas lembro até hoje do nome (completo!), local que morava, fatos e tudo mais.

Pois é por essas e outras que digo: Platão me persegue!

Até mais
VM

4 de jun de 2009

Utilidade Pública

Acabei de adicionar um novo banner aqui do lado. Esse é uma campanha endossada pelo Conselho Federal de Nutricionista por alimentação saudável para todos.

No link você pode ler a proposta de emenda consticional encaminhada ao congresso bem como as motivações do CONSEA para propor tal emenda.

Leia, reflita e veja se vale a pena assinar...

Se quiser fazer mais adicione o banner no seu blog/site também. Você tem duas opções usar o banner disponível no site da campanha ou adiconar esse código abaixo:



Assine pelo direito de uma alimentação saúdavel para todos.




Essa foi mais uma Utilidade Pública de "VM & Associados"

24 de mai de 2009

E se eu fosse...

Se eu fosse um mês: Fevereiro
Se eu fosse um dia da semana: Sexta
Se eu fosse uma hora do dia: 18hs
Se eu fosse uma estação: Outono
Se eu fosse um planeta: Jupiter
Se eu fosse uma direção: Encruzilhada
Se eu fosse um móvel: Uma Estante
Se eu fosse um pecado: Preguiça
Se eu fosse um sentido: Olfato
Se eu fosse uma pedra: Sabão
Se eu fosse uma árvore/Planta: Cajueiro
Se eu fosse uma flor: Jasmin
Se eu fosse um clima: Nevoeiro
Se eu fosse um prato: Arroz à Grega
Se eu fosse um instrumento musical: Viola de 12 cordas
Se eu fosse um elemento: Ar
Se eu fosse uma cor: Branco
Se eu fosse um animal: Gato
Se eu fosse uma música: Simplesmente [Pedro Mariano]
Se eu fosse um sentimento: Paixão
Se eu fosse um lugar: De frente para o mar
Se eu fosse um sabor: Agridoce
Se eu fosse uma palavra: Deus
Se eu fosse um verbo: Decifrar
Se eu fosse um objeto: Folha de papel
Se eu fosse uma parte do corpo: Pés
Se eu fosse um número: 23
Se eu fosse um Símbolo: +

E você o que seria?

VM - Reflexões para um domingo incomum

23 de mai de 2009

Para um Sábado à noite

Assim como todo mundo espera alguma coisa do sábado à noite, eu também ! E hoje para fechar uma dia que acordei de mau humor, fui para uma aula de inglês massante, fiz faxina e ainda tive que trabalhar em casa nada melhor que boa Música Popular Brasileira.

Hoje vamos de Pedro Mariano e nova música de trabalho dele "Simplesmente". Um belo arranjo, uma bela letra e ele muito afinado como sempre. Uma ótima musica para fechar o dia de uma forma mais amena...


VM

19 de mai de 2009

Programa #2

Aniversário de três amigas em um bar ao som de pagode.

Não gosto de pagode (desculpe), mas adoro minhas amigas, todas elas, e por elas faço sacrifícios. E bota sacrifício nisso... O bar em questão chama-se Cachaçaria Dumont, ambiente agradável, acessível (até mesmo para os sem carro de plantão). Mas no meu caso o lugar é bem longe. Sábado a noite, frio, sem trânsito eu levei uma hora e meia para chegar.

Apesar de tudo valeu a pena. Revi a galera da faculdade, ri muito com eles, bebi, comi, tudo muito bom...Mas se tivesse um banquinho e um violão acho que teria aproveita ainda mais.

A casa em si é pequena, tem dois piso e um terraço onde quem quiser fumar ou conversar é legal. Para quem gosta de pagode o lugar é bem animado, vários grupos tocam durante a noite, em palco bem próximo do público. Não é legal se você gosta de dançar porque, como falei, a casa é pequena e fica bem cheia, difícil até para andar. Eles oferecem um cardápio variado de drinks e de cachaças com preços bem em conta.

Ponto alto: Local acessível e bem localizado
Ponto fraco: Tamanho da casa para a quantidade de frequentadores

Investimento: R$35,00 (entrada+drink+comida)
Custo x Benefício: Muito Satisfatório (a companhia elevou os benefícios do programa)

Até a próxima
VM

12 de mai de 2009

Demorô!!

Pausa no assunto férias, e vamos voltar um assunto que postei aqui um tempo atrás: A relação Rihanna x C.Brown.
Hoje navegando nesse mundo, dei de cara com a tão esperada resposta da cantora. E claro que não poderia vir de melhor maneira, com música. Não que eu adore as músicas dela, mas gostei da forma que ela resolveu a situação: Ganhando dinheiro em cima da atitude babaca do tal. Sim, porque ela poderia simplesmente processar o malandro e ponto, mas não! Além do processo, ela resolveu eternizar a cagada dele de forma que ele não consiga esquecer....
Ouçam aí...Tem uma tradução logo embaixo


Você está me chamando agora mais do que nunca
Duas chaves de volta a meu lugar, não havia diversão
Mas você não aprovava, me dizendo que sentia saudade
Eu lembro quando você disse que odiava minha cintura

Eu disse que não ia voltar, não mesmo
Você me enganou antes, mas você não controla o ego
Apenas mau para você, isso que eu desejo
Não soube o que fazer, ela te controla

Porque você teve uma boa menina, boa menina, é
Cuidadoso, c-c-c-c-cuidadoso
Você teve uma boa menina, boa menina, mas
Não soube educá-la, e-e-e-e-educá-la (tome conta)
Seu namorado idiota não foi com a minha cara (minha cara)
Por que você gosta do "só lamento"?
Seu namorado idiota não sai do meu pé, meu pé
(saia daqui)
Não, eu não o quero mais (saia daqui)

Garoto imbecil (imbecil)
Por que você finge ser idiota?
Garoto imbecil, imbecil (garoto)
Por que você finge ser idiota?

Você dando uma de joão-sem-braço
Nao dá pra viver sem mim
Eu trarei algumas flores quando você estiver enterrado
Não, todos erram
Mas eu apenas penso que seu traseiro é falso
O que eu quero de você, e que você (permaneça afastado)

Eu disse que não ia voltar, não mesmo
Você me enganou antes, mas você não controla o ego
Apenas mau para você, isso que eu desejo
Não soube o que fazer, ela te controla

Porque você teve uma boa menina, boa menina, é
Cuidadoso, c-c-c-c-cuidadoso
Você teve uma boa menina, boa menina, mas
Não soube educá-la, e-e-e-e-educá-la (tome conta)
Seu namorado idiota não foi com a minha cara (minha cara)
Por que você gosta do "só lamento"?
Seu namorado idiota não sai do meu pé, meu pé
(saia daqui)
Não, eu não o quero mais (saia daqui)

Não mais, não mais, não mais (ooohhh do nooo)

Garoto imbecil (imbecil)
Por que você finge ser idiota?
Garoto imbecil, imbecil (garoto)
Por que você finge ser idiota?

Garoto imbecil (imbecil)
Por que você finge ser idiota?
Garoto imbecil, imbecil (garoto)
Por que você finge ser idiota?

(yeahhh)

Seu namorado idiota não foi com a minha cara (minha cara)
Por que você gosta do "só lamento"?
Seu namorado idiota não sai do meu pé, meu pé
Não, eu não o quero mais (saia daqui)

Garoto imbecil (imbecil)
Por que você finge ser idiota?
Garoto imbecil, imbecil (garoto)
Por que você finge ser idiota?

Até mais

VM

8 de mai de 2009

Programa #1

Como falei vou tentar postar minhas atividades de férias aqui e emitir uma opinião/indicação.

Vamos lá. O primeiro programa foi:

Cinema em Shopping Center em plena Quarta-feira (tudo pela metade) para assistir um Blockbuster!

Sei que esse não é o melhor programa para se fazer. Primeiro pq não sou muito fã do shopping que fui, segundo pq geral vai para lá na quarta pq o cine é mais barato (ate pq eu fui por esse motivo) logo a sala do cinema estava supercheia. Mas fora esses detalhes o filme salvou o programa.

Assisti X-Men Origins: Wolverine. Valeu porque sempre gostei da série da Marvel, mas nunca me aprofundei em pesquisas sobre as histórias que rolavam por trás. E o filme esclarece vários pontos neblusos da vida do personagem mais anti-social da trupe do Dr. X. Além não apelar muuuuito com cenas cheia de efeitos para vender o filme. Eles se apegaram ao objetivo principal do filme que era contar a história do Logan antes de encontrar o Xavier e os X-Men.

Ponto Alto: Explicação da escolha do nome Wolverine para o personagem.

Ponto Baixo: As cenas finais onde os personagens estão em uma área "aberta". É muito nítido que o fundo em uma montagem, ficou parecendo aqueles efeitos de Chroma Key da turma do Didi

Investimento: R$ 5, 00
Custo x Benefício: Satisfatório

Abraços
VM

PS: Aguardo mais dicas

6 de mai de 2009

Férias

Yes! Estou de férias \o/\o/\o/\o/\o/\o/
Depois de mais de 2 anos sem férias remuneradas dignas, finalmente chegou!

Mas e agora o que fazer nesses 30 dias de ocio? Pq dinheiro para uma grande viagem a Credicard levou, e para uma pequena a Vivo fez o favor de vir buscar a cavalo. Ou seja, vou ficar em Sampa mesmo, mas ainda sim quero aproveitar essas férias...

Alguém pode me ajudar? Mandem dicas de lugares, eventos, filmes, teatro ou qualquer coisa mais legal. Aceito qualquer sugestão! E prometo postar fotos dos passeios, críticas e opiniões...

Ajudem esse NeoBloger a ter férias dignas de um trabalhador! VM

30 de abr de 2009

Eu me amo porque...

Não sei exatamente o motivo, e será difícil dizer com algumas palavras. Seria por motivos do meu passado, presente ou futuro? Talvez, mas não tenho como responder isso agora. Uma coisa é certa “eu me amo”.

Eu me amo mesmo sendo só um aglomerado de células como qualquer outro ser vivo. Então o que tenho de tão especial para que eu me ame? Acho que essa eu consigo responder, a diferença que faz eu amar mais a mim do que ao meu cachorro é um simples fato: a Razão.

Digo que é a Razão porque é ela que faz eu me reconhecer na frente do espelho. E ela que permite que eu saiba cada um dos meus pontos fracos e fortes, cada um dos meus segredos mais íntimos, cada desejo e preferência que guardo dentro de mim, ou seja, eu me amo por me conheço muito bem.

Há na doutrina cristã o seguinte preceito: “Você só ama, verdadeiramente, aquilo que conhece”. Quando analisamos friamente essa frase pensamos apenas naquele amor que dedicamos à outra pessoa, mas na verdade isso também vale para o amor próprio.

Se você se esconde atrás de várias máscaras, esconde-se até mesmo de si e isso te leva a um ponto onde passas a não mais se reconhecer; conhece apenas as máscaras, cada uma com desejos, preferências e opiniões diferentes uma das outras, então, você se torna um desconhecido para si mesmo e passa não se amar.

Então eu me amo porque me conheço, esse é o real motivo.

VM

26 de abr de 2009

Sim,a aparência importa

Esse é o titulo de um matéria do UOL Times de hoje. Na matéria a autora resolveu analisar de uma forma mais formal o "fenômeno Boyle". Achei muito interessante a abordagem mais fundamenta em ciência do que em mera filosofia de programa feminino do tipo:"É amiiiiga... as aparências enganam!". Vou tentar resumir o artigo e caso se interessem mais clique aqui.
Por Pam Belluck
Há mais de uma semana, pessoas em ambos os lados do Atlântico têm usado a história de Susan Boyle - a solteirona escocesa desleixada que chegou à fama cantando no programa de TV "Britain's Got Talent" - como um exemplo de quão superficiais nos tornamos. Mas muitos cientistas sociais e outros que estudam a ciência dos estereótipos dizem que há motivos para avaliarmos rapidamente as pessoas com base em sua aparência. Julgamentos rápidos a respeito das pessoas são cruciais para o modo como funcionamos, eles dizem - mesmo quando esses julgamentos são muito errados. "Estereótipos são vistos como um mecanismo necessário para entendimento da informação", disse David Amodio, um professor assistente de psicologia da Universidade de Nova York.

Susan Fiske, uma professora de psicologia e neurociência de Princeton, disse que tradicionalmente, a maioria dos estereótipos se divide em duas dimensões amplas: se a pessoa parece ter intenção maligna ou benigna e se a pessoa parece perigosa. De fato, a atração é uma coisa que reforça o estereótipo e faz com que se cumpra. Pessoas atraentes têm "crédito de serem socialmente hábeis", disse Fiske, e talvez sejam, porque "se uma pessoa é bonita ou simpática, as outras pessoas riem das piadas dela e interagem com ela de uma forma que facilita a interação social"."Se uma pessoa não é atraente, é mais difícil conseguir todas estas coisas porque as outras pessoas não a procuram", ela disse.

Quando as pessoas não se encaixam em nossas noções pré-concebidas, nós tendemos a ignorar as contradições, até serem dramáticas demais para ignorar. Nestes casos, disse John F. Dovidio, um professor de psicologia de Yale, nós nos concentramos na contradição - a voz de Boyle, por exemplo. Apesar disso nos fazer vê-la mais como um indivíduo, nós também "encontramos uma forma do mundo fazer sentido de novo, mesmo que para isso digamos: 'Esta é uma situação excepcional'. É mais fácil para mim manter as mesmas categorias na mente do que chegar a uma explicação para as coisas que são discrepantes".

Dovidio disse que encontrar discrepâncias nos estereótipos provavelmente "cria um tipo de estímulo autonômico" em nosso sistema nervoso periférico, provocando picos de cortisol e outros indicadores de estresse. "O estímulo autonômico nós motivará a fazer algo naquela situação", ele disse, especialmente se a situação é perigosa. Helen Fisher, uma professora de antropologia da Rutgers, teoriza que no caso de Boyle, os telespectadores também passaram por uma "onda de dopamina" com a surpresa agradável de ouvir a voz dela. "A novidade aumenta a dopamina no cérebro e faz você se sentir bem", ela disse. Isto pode ajudar a explicar por que tantas pessoas foram atraídas pela história de Susan Boyle. Mas o fato de aceitarem a ela e outros azarões subestimados dificilmente mudará nosso gosto pelo estereótipo.

A sociedade moderna, com sua consciência dos preconceitos ao longo da história e sua capacidade sem precedente de apresentar tantos tipos diferentes de pessoas umas às outras, pode diluir ou mesmo neutralizar algumas noções pré-concebidas. Mas outras persistirão e novas surgirão, dizem os especialistas.

"A matéria-prima de dizer que você está comigo e ela não está é algo que está sempre presente", disse Berreby. "Não é algo que inventamos por causa da TV ou do carro. Também não é algo ligado à vida moderna. É algo inerente à mente."

Por hoje é só.
VM

23 de abr de 2009

Infância prolongada

Sempre gostei desenho animado, mas principalmente daqueles que mais pareciam seriados com vários episódios. Não abandonei até hoje esse hábito, sempre que consigo tento acompanhar alguma série animada mas com um porem adicionei a lista hábito assistir seriados com gente de verdade também.
Hoje navegando pelos blogs que acompanho dei de cara com um post da Ice Ice Baby com um imagem do Lex Luthor (Vilão do Superman). Se tratava de um teste onde cruza algumas características de vilões famosos com as suas, e dá como resultado o quanto você tem de cada vilão. E o meu resultado foi...

Your results:
You are Era Venenosa
Era Venenosa
47%
Apocalypse
45%
Juggernaut
41%
Fenix Negra
41%
Venom
40%
Dr. Destino
40%
Coringa
39%
Mr. Freeze
36%
Lex Luthor
32%
Magneto
31%
Mystica
29%
Mulher Gato
26%
Duas Caras
25%
Rei do Crime
18%
Doende Verde
17%
Charada
14%
Você faria qualquer coisa para proteger a natureza, desde a manipulação até a eliminação.


The Supervillain Personality Quiz

Façam o teste também quem sabe você se descobre uma Mulher Gato, Misteriosa e Sensual

VM

20 de abr de 2009

Ciúme maternal

Faz quase vinte anos que meus pais se separam, mas ainda sim minha mãe continua com essa história!!! Toda vez que vou visitar meu pai (moro com minha mãe) lá vem ela com piadinhas/jogo emocional. Já passou da hora dela notar que isso não vai mudar nada entre nós. Eu tenho o seguinte pensamento: Meu foi mega FDP quando saiu de casa e deixou ela com dois filhos para criar, mas o que posso fazer? Ele é meu pai, não tenho como negar...
VM

9 de abr de 2009

Pensem nisso...

Não sei se notaram, mas coloquei um banner do WWF aqui do lado... É um teste interessante que avalia como os seus hábitos estão ou irão afetar o planeta. Cliquem lá e se avaliem. Só para deixa registrado eu não sou um exemplo de ser humano para as questões ambientais, mas estou tentando melhorar, vejam o meu resultado...

Nunca me preocupei muito com essas causas ambientais em geral, mas sempre achei interessante o assunto por mais que não seguisse os princípios pregados pela maioria dos grupos. Até que uma amiga da faculdade me fez abrir os olhos e olhar melhor para toda essa situação. Ela não precisava falar, ela apenas agia de uma forma que nunca tinha visto; então passei a rever os meus hábitos e preferências. Claro que não chego nem perto dela no quesito consumo responsável mas estou caminhando...(e tentando não deixar pegadas)

VM

Ventos de outono

Vi um texto semelhante a essse no "Várias Anas" e resolvi postar o do nutricionista...

Nutricionista não se apaixona...alimenta sentimentos.
Nutricionista não faz exercício...queima calorias.
Nutricionista não bebe...lesa as células hepáticas.
Nutricionista não come doce...ingere CHO de alto índice glicêmico.
Nutricionista não lava louça...higieniza utensílios.
Nutricionista não faz comida...ensina a comer.
Nutricionista não come kani...ingere peixe sabor sirí.
Nutricionista não tem dor de estômago...tem desconforto gástrico.
Nutricionista não toma remédio...utiliza fármacos.
Nutricionista não tem desejos absurdos na gravidez...tem picamalácia.
Nutricionista não tem IMC normal...é eutrófica.
Nutricionista não é universitário...é profissional em treinamento.

...Mas na verdade vim aqui para dizer que, os ventos do outono trouxeram mudanças para essa minha vida (E os anjos cantam Aleeluuiiaaa...). Depois de um um ano e meio trabalho feito burro de carga nesse hospital, finalmente vou para o setor que desejei desde o cadastro no site...O Depto de Nutrição...e o melhor para a função que sempre (desde os 13 anos) desejei trabalhar: Nutricionista, sim pq até agora eu não exercia tal função; como eu falei eu era um burro de carga ou melhor um morcego de carga afinal trabalho a noite.

...Valeu Deus, agora só falta a tampa dessa cumbuca aqui.

VM

26 de mar de 2009

8,2 segundos !

Eu sempre achei que me apaixonava muito rápido e agora o cientistas comprovam que isso é um característica masculina. Vejam essa notícia:
Homens levam 8,2 segundos para se apaixonar, dizem cientistas

Bastam 8,2 segundos para um homem ficar apaixonado, segundo cientistas reportaram ao periódico "Archives of Sexual Behaviour". As informações são do jornal britânico "Daily Telegraph". Em um experimento com câmeras escondidas, pesquisadores analisaram o movimento dos olhos de 115 estudantes, enquanto eles conversavam com atores e atrizes. Depois disso, os voluntários tinham que dar uma nota para cada pessoa com quem tinham falado. Os homens olharam para as atrizes que eles consideraram mais bonitas por uma média de 8,2 segundos. Para as menos atraentes, o olhar durava apenas 4,5 segundos. Já entre as mulheres não houve essa variação. Ou seja, elas olharam da mesma maneira para os homens que consideraram mais e menos atraentes. De acordo com o jornal, pesquisadores acreditam que homens usam o contato visual para procurar parceiras potencialmente férteis, enquanto as mulheres são mais prudentes no olhar, talvez pelo receio de se tornar mães solteiras.
E a pesquisa ainda tem outra descoberta, já muito tempo afirmada por muita mulheres, nós homens somos animais assim como o cavalo do seu marido, o cachorro do seu namorado, com o galinha do amigo...rsrs
Bjus
VM

25 de mar de 2009

Confissões de um pós-adolecente

Não lembro de ter assistido nenhum episódio da famosa série, mas hoje no auge dos meus 22 anos percebo que a minha adolescência não foi cheia de experiências diferentes mas mesmo assim acho que foi muito bem aproveitada e hoje me vejo muito melhor do que antes...

Momentos que fizeram diferenças durante esse período:

1. Mudança para São Paulo:
Como vocês podem ler no meu perfil, eu cresci em Goiás, mais precisamente em Minaçu, em um dado momento minha mãe resolveu que a vida lá não ia muito bem e que viria para São Paulo. Para mim isso significava deixar todas as minha raízes, amigos de infância, família e tudo mais que tem valor para mim até hoje. Foi duro chegar em um lugar novo, com poucas referências de amizade, com um viver muito mais confuso que aquele de um cidadizinha do interior de Goiás. Isso me levou a uma depressão, que consegui me livrar depois de perceber que apesar dos pesares eu tinha que encarar com um adulto (que eu não era) que aquilo ia ser muito melhor para minha vida. E foi!

2. Voltar a conviver com meu pai:
Novo detalhe que vocês não sabiam, cresci sem meu pai por perto, separados desde de muito cedo meu pai e minha mãe não se davam bem (e ainda hj não se dão), isso me fez crescer sem um referencial masculino dentro de casa. Isso foi suprido pelo meu avô, mas ele era meu avô e não pai então é diferente, mas ainda sim tenho muito dele e tenho muito orgulho disso. Conviver com meu pai acrescentou um lado que eu não tinha no meu carater, o lado paterno que qualquer homem tem mesmo não sendo pai. Passei a ver meu pai com outros olhos, outras palavras, novos sentimentos, novidades que me ajudaram a me adaptar ao mundo novo que eu estava entrando.


3. As novas amizades feitas:
Sim! Elas me ajudaram muito. As da escola que me ajudaram a enfrentar vários desafios, os preconceitos que outras pessoas que me viam com um diferente já que eu era de estado diferente, com hábitos diferentes, ou seja, um estranho no ninho... Digo isso porque eu nunca me dei muito bem com homens não gostava dos assuntos deles, das coisa deles, de como eles levavam a vida dentro e fora da escola, de como lidavam com as meninas, de como eles eram machistas apesar da pouca idade. Essas minhas diferenças levavam eles me tacharem com homossexual (para ser gentil) e a me excluir em diversos momentos, na minha cabeça isso era bem resolvido e com o apoio das minhas amizades (amigas) tudo foi bem simples.

4. Fazer parte de grupos diferentes
Isso porque eu frequentava vários grupos de pessoas diferentes: uma na escola, um na igreja um no trabalho (comecei com 16 anos). Cada um com pessoas que pensavam diferente e me faziam refletir sobre cada uma das coisa que eu via. Da escola eu já contei. Na igreja me faziam refletir sobre os assuntos do dia-a-dia com olhar da doutrina que sigo, sem ser fundamentalista e sempre ponderando cada ponto apresentado. Essa experiência do pensar me fez ser um pessoa muito melhor e mais segura no que faço. Além disso, como passei a trabalhar dentro de um grupo nessa igreja eu desenvolvi um outro lado, meu lado mais falante pois até então eu era quase um coco verde de tão tímido. E no trabalho eu exercitava esse lado e descobria que as pessoas não são bichos-papão e não mordem, além de ter certeza que ser nutricionista era o meu destino, já que eu trabalhava com TI e não gostava nada, nada.


5. Entrar para a faculdade
Esse foi o passo mais feliz da minha adolescência, digo adolescência pq descobrir que ia fazer nutrição, em uma das melhores particulares de São Paulo, e o melhor de graça, com 17 anos. Isso na minha cabeça me elevava a um ponto que eu jamais pensaria em chegar. Isso comprovava para mim que Deus estava do meu lado, que eu era sim CDF e daí, e que minha vida estava apenas começando e ia ser muito bom vive-lá.


Hoje com 22 vivo a minha vida muito feliz, em uma cidade muito lôca que pode me deixar louco mas e daí
VM

23 de mar de 2009

Valor das pequenas coisas

Recebi esse texto por e-mail, talvez vocês já tenham recebido também, mas gostei dele porque complementa o meu último post, sobre os pequenos gestos que podem valer muito...

Gestão do fósforo

Um homem estava dirigindo há horas e, cansado da estrada, resolveu procurar um hotel ou uma pousada para descansar. Em poucos minutos, avistou um letreiro luminoso com o nome: Hotel Venetia. Quando chegou à recepção, o hall do hotel estava iluminado com luz suave. Atrás do balcão, uma moça de rosto alegre o saudou amavelmente 'Bem-vindo ao Venetia!'. Três minutos após essa saudação, o hóspede já se encontrava confortavelmente instalado no seu quarto e impressionado com os procedimentos: tudo muito rápido e prático.

No quarto, uma discreta opulência; uma cama, impecavelmente limpa,uma lareira, um fósforo apropriado em posição perfeitamente alinhada sobre a lareira, para ser riscado. Era demais! Aquele homem que queria um quarto apenas para passar a noite começou a pensar que estava com sorte. Mudou de roupa para o jantar (a moça da recepção fizera o pedido no momento do registro).

A refeição foi tão deliciosa, como tudo o que tinha experimentado, naquele local, até então. Assinou a conta e retornou para quarto. Fazia frio e ele estava ansioso pelo fogo da lareira. Qual não foi a sua surpresa! Alguém havia se antecipado a ele, pois havia um lindo fogo crepitante na lareira. A cama estava preparada, os travesseiros arrumados e uma bala de menta sobre cada um... Que noite agradável aquela!

Na manhã seguinte, o hóspede acordou com um estranho borbulhar,vindo do banheiro. Saiu da cama para investigar. Simplesmente uma cafeteira ligada por um timer automático, estava preparando o seu café e, junto um cartão que dizia: 'Sua marca predileta de café. Bom apetite!' Era mesmo! Como eles podiam saber desse detalhe? De repente, lembrou-se: no jantar perguntaram qual a sua marca preferida de café. Em seguida, ele ouve um leve toque na porta. Ao abrir, havia um jornal.'Mas, como pode?! É o meu jornal! Como eles adivinharam?' Mais uma vez, lembrou-se de quando se registrou: a recepcionista havia perguntado qual jornal ele preferia.

O cliente deixou o hotel encantando. Feliz pela sorte de ter ficado num lugar tão acolhedor. Mas, o que esse hotel fizera mesmo de especial? Apenas ofereceram um fósforo, uma bala de menta, uma xícara de café e um jornal.

Esta mensagem vale nossas relações pessoais (namoro,amizade, família, casamento) enfim pensar no outro como ser humano é sempre uma satisfação para quem doa e para quem recebe. Seremos muito mais felizes, pois a verdadeira felicidade está nos gestos mais simples de nosso dia-a-dia que na maioria das vezes passam despercebidos.



Até e Viva o valor das pequenas coisa
VM

10 de mar de 2009

Clichês

Pois bem...Não consegui postar no dia 8, então posto hoje. Finjam que hoje é 8/03/2009, ok?

Hoje é o dia internacional do clichê de data comemorativa... Hoje é o dia em que todas os programas da tv vão ter um espaço para discutir as conquistas das mulheres, o cotidiano das mulheres, os sentimentos das mulheres ou toda a pauta hoje vai ter o assunto "Mulher" no meio. Justo? Sim, se isso não acontece só porque é uma data comemorativa, porque tente ver ao longo do ano quantas vezes esse tema vai voltar a tona.

Todo o dia a mulher deveria ser lembrada com ser sagrado que é todo dia ela merecia receber elogios, presentes, agradecimentos e carinhos em geral, e não apenas mais uma data com apelo comercial.

Além desse clichê das mídias ainda há aqueles clichês sociais:

- Flores que não se repetiram (exceto para o caso de você ser mãe)
- Refeição com aquela justificativa "hoje vocês não precisa fazer nada"
- Presentes batidos (maquiagem que você não precisa, perfumes que você tem estoque, modelos de roupa que nem tem mais espaço para guardar, etc)

Definitivamente nesses momentos eu me envergonho com nós homens, sempre previsíveis! Não que hoje vocês não mereçam tudo e mais um pouco, mas vamos combinar clichê é intolerável. Forçam vocês a vestir a máscara de submissa e aceitar afinal "Hoje é o dia da mulher, querida!!!" AFFF...

Eu como bom aquariano, odeio o comum e o previsível e adoro a reação de vocês quando pegamos (no bom sentido) vocês de surpresa. Por isso homens que passam por aqui sejam mais criativos e menos práticos, porque aquele buquê do cara do sinal pode ter um impacto menor que uma bela rosa de papel feita à mão por você (rosa essa que você levou dias treinando com aquele japa do trabalho que sabe fazer origami).

O recado de hoje para os homens é:
Mulher esperta não aceita qualquer coisa não, dê o seu melhor!



Até mais
VM

5 de mar de 2009

Facetas

Hoje resolvi postar um texto pq tô meio sem inspiração (leia-se preguiça), achei ele legal por resaltar o quão multifacetadas vocês são e também o grande dever vocês e eu (por que não?) temos...

Mulher
por Ilsa da Luz Barbosa

Você que busca no dia a dia sua independência, sua liberdade, sua identidade própria;

Você que luta profissional e emocionalmente, para ser valorizada e compreendida;

Você que a cada momento tenta ser acompanheira, a amiga, a "rainha do lar";

Você que batalha incansavelmente por seus próprios direitos e também por um mundo mais justo e por uma sociedade sem violências;

Você que resiste aos sarcasmos daqueles que a chamam de, pejorativamente, de feminista liberal e que já ocupa um espaço na fábrica, na escola, na empresa e na política;

Você, eu, nós que temos a capacidade degerar outro ser, temos também o dever de gerar alternativas para que a nossa Ação Criadora, realmente ajude outras mulheres a conquistarem a liberdade de Ser...
Até amanhã
VM
PS: Agora falta 3 dias...

4 de mar de 2009

Essa é mais uma das músicas que retratam muito o que sinto...Espero que goste.




PS: Falta 4 dias para o grande dia dedicado a vocês

3 de mar de 2009

Infinito


Infinitos são os seus segredos, mas também infinitas são as minhas inspirações quando olho para vocês, musas do olhar para o infinito mar.
Assim como sereias seduzindo os marinheiros, vocês me seduzem, me tragam para o mais profundo transe. E é nesse momento que vejo quão infinito podem ser os seus desejos de amar, de voar e de sonhar.
Porque é nesse momento que vejo que vocês não querem um amor cego e doentio, vocês querem apenas Amar sem cobrança e sem segredos. E assim como vejo esse belo desejo, eu também o sinto o vento do bater de asas da Liberdade, não aquela que nos aprisiona em vícios, mas aquela que nos dá o direito de escolha, o direito mudar mesmo que o futuro seja incerto...
E são essas incertezas que alimenta o grande senhor do desejos: Os Sonhos. É ele, com todo o seu poder de movimentar até mesmo a mais inerte pedra, que ordena que a Liberdade bata a suas asas e voe, voe buscando o sinto da vida, voe buscando a real felicidade, voe buscando o Amor.
E quando volto do transe, é que noto que não há segredo algum em seu viver. Há apenas desejos infinitos, pois é isso que se levanta quando o vento da Liberdade batem no chão. Assim como incontáveis são os grão de poeira, incontáveis são os seus desejos.
Que essa semana seja repleta de desejos realizados para todos "Vocês, Mulheres".

VM
PS: Faltam 5 dias para o seu dia...

28 de fev de 2009

Ressaca de carnaval?

Sei que tá muuuito tarde para falar de carnaval, mas mesmo assim vou escrever alguma coisa...Afinal foi para isso que crei esse espaço :D

Diferente de todo mundo que andei lendo por aí eu não pulei, não sai em blocos, não fui para o sambódromo, não bebi, ou seja foi mesmo uma m... para não falar coisa pior. E sabe pq? Tudo devido esse "bendito" emprego que ainda paga minhas contas, porque só para isso ele tá servindo agora!

Imaginem uma pessoa que queria muito ter indo para qualquer lugar nesse carnaval. Sou eu. Acho que nunca contei para vocês, mas trabalho à noite em esquema de plantão 12x36. Mas exatamente nesse carnaval, quando tô numa onda de sair por aí (balada, barzinho, show, cinema, teatro, etc) eu fico duro e tenho que trabalhar 3 dias seguidos, e quais dias foram eleitos para eu trabalhar?hein? Domingo! Segunda! Terça! O miolo mais animado da festa, eu tava aqui!

E para melhorar tirei folga em que dias?hein? Quarta!Quinta!Sexta! O resto de semana mais micado de todo o ano!

E hoje? Sabadão! O dia de todas ressacas de carnaval do mundo e dia que o salário caiu na conta onde eu estou de novo? Aqui nesse "Paraíso Infernal"!

Definitivamente eles não querem que os funcionários tenham vida social...
VM

25 de fev de 2009

Descrição perfeita...

Olá Meninas (e talvez algum menino)

Hoje resolvi colocar música para vocês. Gosto muito de música principalmente quando o vocal é feminino. Eu sempre me identifiquei com essa de hoje, ela se chama "Românticos". Vejam se vocês também gostam...

23 de fev de 2009

Shut up, and spanks

Acho que até mesmo quem não gosta de black music ouviu/viu/leu alguma coisa sobre o caso Rihanna x Chris Brown...

Pois é... Um ato grotesco, e que repudio com todas a minhas forças, desse jovem artista. Não sabemos o que realmente aconteceu para que ele partice para esse tipo de ação, mas uma coisa é certa esse é mais um caso entre muitos dos caso de agressão a mulheres que acontecem por aí. Lógico que esse teve um repercussão muito maior que aquela "surra que seu vizinho deu na sua vizinha", mas não deixa de ser um covardia em ambos os casos!

Mas sabem o que é mais problemático nessa situação toda? É fato de ambos os protagonista deste fato serem para muitos adolescentes ícones a serem copiados e adorados! Mas que ícones são esses? Eu me perguntou. Um cara que usa sua arte para minimizar as mulheres a meros objetos a serem ostentados. Uma mulher que além aceitar tal situação, também se autointitula "máquina calibrada" ou seja, um ser frio que tem como finalidade dar prazer para alguém.

Que tipo de adultos estamos criando para o amanhã? Covardes e Bonecas Infláveis?

Bom para resumir eu digo o seguinte:

- Chris: Acorda moleque! Você vai terminar pior que começou...
- Rihanna: Valorize-se menina! Use sua arte contra esse tipo de situação...

Até
VM

20 de fev de 2009

Pra mim!?

MegaUltraSuper Obrigado Paula...

Esse é meu primeiro selo e que venham mais ebbbbaaaaa!!!! \o/\o/\o/\o/\o/

Então vamos lá!


Esse é o Troféu do Amigo!


Esses blogs são extremamente charmosos.
Esses blogueiros têm o objetivo de se achar e serem amigos.
Eles não estão interessados em se auto promover.
Nossa esperança é que quando os laços desse troféu são cortados ainda mais amizades sejam propagadas.Entregue esse troféu para oito blogueiros(as) que devem escolher oito outros blogueiros(as) e incluir esse texto junto com seu troféu!



6 coisas sobre mim, vamos lá:

1. Minha imaginação cria mundos paralelos em segundos tal e qual ao Bob, Fantástico Mundo de
2. Eu me apaixono muito rápido e esqueço muuuito devagar
3. Falo comigo mesmo como se fosse outra pessoa... Ô.o não estou louco (ainda)
4. Minha primeira paixonite aconteceu com 8 anos... affff
5. Eu post do meu trabalho e não é na hora do almoço.... boca de siri hein!!
6. Eu tento imaginar a vida das mulheres que encontro no ônibus... como eu falei Bob total!!!

E tem mais esse:

Eu repasso esses selinhos para:
1. Para a sempre bem humorada Cristal;
2. Para a sempre pensativa Cinthya;
3. Para a sempre "grilada" Patifa;
4. Para a sempre politicamente correta Daiane;
5. Para a sempre atarefada Mulher Polvo;
6. Para a sempre atualizada Mari;
7. Para a sempre organizada Poli;
8. Para a sempre modernoza Elise;
Adorei esse presente de niver rsrsrssr
Bjus
VM

15 de fev de 2009

Idade: 22 anos e alguns dias

No último dia 3 foi meu aniversário, mas em uma total falta de criatividade (ou total preguiça mesmo) não postei nada. Mas hoje como, ganhei uma hora a mais na minha vida resolvi me esforçar e postar alguma coisa.

Lá naquele dia 03/02, resolvi ver o que esse número "22" tem de significado por ai. Cheguei nos seguintes lugares:

"Numerologia: Número Mestre, ou seja, o número 2 duas vezes. Logo reforça as característica do número 2. Características do número 2: Este número representa a dualidade, a polaridade, a necessidade de ser complementado, o convívio em harmonia com os demais."
"Tarô: O arcano 22 é conhecido sob diversos nomes, Louco, Bobo, Bufão, Andarilho, Indefinido. O Louco representa a completa fé de que a vida é boa e digna de confiança. Nas leituras, pode significar um novo começo ou mudança de direção."

Bem mas depois de lerem isso vocês vão me perguntar: Sei! E daí?

Para mim tem um certo sentido, afinal eu tenho andado pensando que está faltando algo (ou alguém) sei lá! Antes não me fazia falta a tal da namorada, parceira, ect.; mas agora vez ou outra me pego pensando em como seria bom...arrumar um tampa...É! Porque uma coisa eu tenho plena convicção: Eu não sou uma cumbuca!, com certeza Deus fez uma tampa para mim.

E o Louco? Bom louco não só louco, ele também é do tipo Zeca Pagodinho "deixa a vida me levar". Confia que a vida vai guiar-lo para os lugares certos. E mais uma vez essa foi para mim, porque mesmo querendo muito me arranjar, como já falei em outros posts, não sou do tipo metraladora que sai atirando sem direção, eu tenho aproveitado os momentos, as oportunidades, as brexas aqui e ali para quem sabe acertar no alvo certo.

Bom apesar de não acreditar nem em numerologia e muito mesmo em tarô, acho que Deus às vezes nos guia por caminhos meio obscuros e controversos para que possamos ver melhor o que ele nos reserva...

"Mas então Deus se der para adiantar a que está reservada a mim eu lhe agradeço!"

Até a próximo post
VM

PS: Desculpem as brincadeiras sem graça...o sono me deixa assim mesmo.

14 de jan de 2009

Observações de férias

Passei minhas "férias" (uma semana de folga) com alguns familiares de meu pai e constatei que tenho raízes mais femininas do que imaginava. Praticamente todos esse lado da família é composto por mulheres (pelo menos 6 tias e incontáveis primas).

Mas desse vez percebi diferenças entre essas mulheres que não tinha notado ainda, diferenças de como elas lidam com suas vidas, como elas enfrentaram e como enfrentam atualmente os desafios que a vida ainda coloca no caminho de cada uma.
Têm algumas delas que para remediar alguns problemas como relacionamentos (ou falta deles) se dedicam única e exclusivamente com os afazeres do dia-a-dia, sem lembrar que além da trabalhadora existe uma MULHER que precisa se sentir bonita, feliz, realizada em todos os sentidos. Talvez elas se sintam realizadas mas é possível notar uma certa frustração quando elas citam o que queriam fazer e não fazem por simples preocupação com o que os outros vão achar ou quando citam seus desejos de juventude (ainda possíveis) mas que não correm mais atrás por se acharem "velhas demais" para isso . E isso quando acomete vocês, mulheres, é como uma planta que não floresce fica apenas fazendo sua função de prover O2 para o planeta sem nunca embelezar o ambiente que está.
Existe tbm aquelas que se isolam de tudo e de todos para tentar esconder suas fraquezas, e quando alguém cogita a possibilidade de ajuda-lá essa reage erguendo um muro intransponível tentando manter suas derrotas longe da vista dos outros.
E por fim tem aquelas que apesar de todos os problemas já enfrentados, ainda estão abertas para novas experiências e sensações sem se importar se "isso é coisa de para a sua idade". Essas estão apenas aproveitando o que de melhor a vida pode oferecer para todos aqueles que se dispõem a enfrenta-lá de olhos abertos!
Mas apesar de todas essas observações, ainda foi ótimo esse período que passei próximo de todas essas mulheres diferentes que me ajudaram a refletir sobre que tipo de mulher quero ao meu lado...
Até
VM